RM10269_Moeda_3

Rodrigo Matheus

São Paulo, Brasil, 1974


Download

CV

Bibliografia


Rodrigo Matheus produz esculturas, assemblages e instalações, empregando aparelhos e instrumentos especializados, como material de pesca e ferragens, deslocados de seus usos habituais, sem transformar ou intervir sobre a matéria. Esses materiais, na sua obra, convivem com tecidos, galhos e lã – componentes mais orgânicos – em composições formais que organizam os volumes no espaço. As obras de Matheus tecem uma crítica sutil ao aparelhamento da vida cotidiana por meio dos objetos técnicos – bens de consumo ou produtos industriais. Por trás de suas composições há uma crítica incisiva ao autoritarismo por trás do design, das maneiras contemporâneas de viver e fazer submetidas aos paradigmas da produção em massa.


Suas exposições individuais mais recentes incluem
A Blow Through The Gap, Ghisla Art Foundation Collection, Locarno, Suiça (2019) e Hiato, Fortes D’Aloia & Gabriel, São Paulo, Brasil (2018). Participou também das exposições coletivas 1981-2021 Arte Contemporânea Brasileira na Coleção Andrea e José Olympio, CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro, Brasil (2021); A Máquina do Mundo: Arte e indústria no Brasil 1901-2021, Pinacoteca do Estado de São Paulo, São Paulo, Brasil (2021); AAA – Antologia de Arte e Arquitetura, Fortes D’Aloia & Gabriel, São Paulo, Brasil (2020); Cities in Dust, Carpintaria, Rio de Janeiro, Brasil (2020) e Passado/Futuro/Presente – arte contemporânea brasileira no acervo do MAM, MAM – Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro, Brasil (2019)


O artista tem obras em importantes coleções públicas, incluindo o Instituto Inhotim, Brumadinho, Brasil; Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, Brasil; Collection Lea Weingarten, Houston, Texas, Estados Unidos; MAM – Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo, Brasil; MAM – Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil; Pinacoteca do Estado de São Paulo, São Paulo, Brasil; Tiroche DeLeon Collection, Gibraltar, Reino Unido e Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte, Brasil.