Mauro Restiffe

Recorrências

19 Set – 30 Out 2010


Galeria Fortes Vilaça

Mauro Restiffe| Recorrências

A Galeria Fortes Vilaça tem o prazer de apresentar Recorrências, de Mauro Restiffe, uma exposição de sete fotog rafias inéditas, em preto e branco. A seleção das obras revela uma unidade subjetiva, além de seus temas, locais ou datas em comum.
Um senhor elegantemente vestido olha para a câmera no centro do quadro, enquanto turistas apressados passam por ele (Old Man in Venice, 2010).  “O diálogo” entre o olhar do fotógrafo e o homem da fotografia cria uma espécie de reflexo, como um espelho. O mesmo ocorre em Mirante #5, onde um grupo de adultos e crianças se reúne no alto de uma montanha. Eles se preparam para reunir-se em frente a uma moça, que do alto de uma pedra tenta colocar todos em quadro. Assim como o senhor de Veneza, a jovem, desta vez de costas para a câmera de Restiffe, ocupa o centro do quadro e parece ser a personificação do fotógrafo dentro de sua própria imagem.
Reflexos e espelhamentos também aparecem em imagens de arquitetura. Em Baragan, um ramo denso de folhagem do jardim vem se espelhar na piscina da famosa casa do arquiteto Mexicano. Em Pampulha, a paisagem da lagoa da Pampulha vem se refletir nas janelas do museu. Já em Stage, Tlatetolco #14 e Arena, um sentido teatral se estabelece no enquadramento e na intenção do artista, onde o sujeito das imagens parece ser a arquitetura do palco.
Mauro Restiffe inaugura em dezembro uma exposição no novo MAC, em São Paulo. Seu trabalho integra a coleção da TATE Modern, Londres, SFMOMA, San Francisco dentre outras.
 
 

Imagens